Somos 17 pequenos aprendizes do 4º ano, da turma A, da Escola EB2,3/S, de Vilar Formoso, do Agrupamento de Escolas de Almeida. Este é o nosso espaço. Seja bem-vindo!
RSS

segunda-feira, 10 de Janeiro de 2011

A ÁGUA NA NATUREZA


A água é um elemento de primeira necessidade. É essencial à vida!
É indispensável ao Homem como bebida, como alimento, para sua higiene, como fonte de energia, matéria-prima, via de transporte e suporte das actividades recreativas.
A água está presente em toda a parte do nosso planeta: no ar, nas rochas, nos rios e mares, nos glaciares, nas plantas e até no corpo dos seres vivos… O nosso corpo é, em grande parte, constituído por água!

Visto do espaço, o nosso planeta parece um Planeta Azul, coberto na sua maioria por oceanos e mares. A água ocupa 70% da superfície da Terra e os continentes ocupam o resto. Os mares e os oceanos armazenam a quase totalidade da água existente no planeta! O oceano Pacífico é o maior de todos, ocupando um terço da superfície do planeta.
No nosso planeta podemos encontrar dois tipos de água: a doce e a salgada.
Cerca de 97,5% de toda água existente no planeta Terra é água salgada e apenas 2,5% é água doce.


Os estados da água

Na Natureza, a água encontra-se em 3 estados físicos:


  • sólido - Pode apresentar-se na forma de neve, granizo ou saraiva, geada, gelo. A água no estado sólido ocupa as regiões mais frias da Terra.
  • líquido - A água no estado líquido ocupa quase ¾ da superfície terrestre. Pode apresentar-se sob a forma de chuva, orvalho, nos rios e ribeiras, mares, oceanos, lagos e lagoas.
  • gasoso - A água no estado de vapor encontra-se na atmosfera

As transformações da água



A água muda de estado físico com a variação da temperatura e da pressão.

A água transforma-se em vapor de água acima dos 100ºC.
A água está no estado líquido entre os 0 e os 100ºC.
A água transforma-se em gelo abaixo dos 0ºC.






Evaporação - Por acção do calor do Sol, a água passa do estado líquido para o estado gasoso. A evaporação é um fenómeno que ocorre muito lentamente e à temperatura ambiente. Cerca de 80% da evaporação provém dos oceanos. Os restantes 20% provêm de águas interiores e da vegetação. Atenção que a passagem da água para o estado gasoso pode dar-se à temperatura normal (evaporação) ou a temperaturas elevadas (ebulição).

Condensação - Passagem da água do estado gasoso (vapor de água) para o estado líquido. Geralmente, a condensação ocorre na atmosfera, quando o ar quente sobe e arrefece. Como resultado, o vapor de água condensa formando-se as nuvens. Mais tarde, esta água cai sob a forma de chuva, neve ou granizo (precipitação). O nevoeiro e a neblina são exemplos  de condensação.
                    
                     Nevoeiro - Quando o vapor de água se condensa nas camadas baixas da atmosfera.
                    
                     Orvalho - Quando, à noite, a temperatura desce, o vapor de água, em contacto com o solo, rochas, plantas, telhados… condensa-se, formando pequenas gotas de água. A estas pequenas gotas chama-se orvalho.

Solidificação - É a passagem da água do estado líquido para o estado sólido. Para que isso ocorra, é necessário que haja diminuição da temperatura ou aumento da pressão.

                    Geada - quando o orvalho, devido ao arrefecimento do ar, solidifica, forma uma camada branca sobre o solo, plantas, rochas...

Fusão - Passagem do estado sólido para o estado líquido. Um exemplo de fusão é o gelo a derreter, quando a temperatura da água aumenta acima de 0ºC. Também pode ocorrer fusão da água quando há diminuição da pressão.

Sublimação - É a passagem do estado sólido directamente para o estado de vapor.
Fonte: imagem retirada da internet.
 Aprende mais sobre as mudanças do estado físico da água, clicando AQUI.


O Ciclo da Água

Chama-se Ciclo da Água ao processo contínuo de circulação da água na superfície da Terra. A energia do Sol e a gravidade da Terra movem a água através dos oceanos e mares, da atmosfera e da superfície da Terra, num ciclo permanente durante o qual a água sofre mudanças de estado.

Fonte:Imagem retirada da internet.
Ao ser aquecida pelo Sol, a água evapora-se. Quando chega a uma zona mais fria, arrefece e condensa-se formando nevoeiros ou nuvens a partir dos quais se dá a precipitação. A água precipitada pode regressar à atmosfera por evaporação ou espalhar-se na superfície da Terra, enchendo os rios, lagos e ribeiras através do escoamento superficial, ou infiltrar-se no solo, constituindo o escoamento subterrâneo.
A água que é absorvida pelos seres vivos é depois libertada quando está calor, através da transpiração.

EVAPORAÇÃO ----------> CONDENSAÇÃO ----------> PRECIPITAÇÃO

Aprende mais sobre o ciclo da água, clicando AQUI e AQUI.